segunda-feira, 10 de março de 2014

Alunos de direto da Facep trocam experiências com CDP de Apodi


Alunos e professor do Projeto de Extensão “Ressocialização e Dignidade", do curso de Direito da Faculdade Evolução do alto Oeste Potiguar (FACEP), sediada em Pau dos Ferros, visitaram as ações de ressocialização de apenados do Centro de Detenção Provisória de Apodi. Na visita ao estabelecimento, eles acompanharam o trabalho realizado pelos agentes e diretor da unidade, agente Marcio Morais.

Além disso, conheceram a a professora Deusirene, que atua diretamente na unidade com o programa “Educando para a Liberdade”, programa este desenvolvido na modalidade EJA (Educação de Jovens e Adultos), tendo, inclusive, um detento aprovado no vestibular de Educação Física e estando o mesmo prestando serviços a uma academia local.

No Centro de Detenção Provisória de Apodi vários detentos já aprenderam a ler e escrever. Além desse projeto, ocorrem palestras, oficinas, e outras atividades, bem como um projeto de evangelização, tudo isto com vistas a reinserir os apenados no mercado de trabalho. O CDP conta ainda com uma pequena biblioteca e com doações de livros de colaboradores.


Para o diretor do CDP de Apodi, agente Marcio Morais, é muito gratificante receber a visita de alunos e professor do curso de Direito da Faculdade Evolução do alto Oeste Potiguar – FACEP. “Isso prova a credibilidade do nosso trabalho e o nosso compromisso com a ressocialização dos apenados, esse trabalho é fruto do empenho e dedicação de todos os colegas agentes que atuam nesse estabelecimento penitenciário”, comentou.

O projeto “Ressocialização e Dignidade” da Direito da Faculdade Evolução do alto Oeste Potiguar – FACEP é coordenado pelo professor Francicláudio Nato juntamente com os alunos Camila Gomes, Yasmim Ribeiro e Elano Gomes. O projeto visa ressocializar os apenados do presídio em Pau dos Ferros, especialmente os que se encontram nos regimes aberto e semiabertos, e tem por objetivo básico acompanhar os processos desses detentos, aplicando os remédios jurídicos necessários para prover os direitos dos mesmos.

De acordo com o coordenador projeto da FACEP, professor Francicláudio Nato, esse intercâmbio com o CDP de Apodi, vai contribuir para que o projeto “Ressocialização e dignidade” possa levar experiências de sucesso para o presídio em Pau dos Ferros, com vistas a dar mais oportunidades de reinserção dos apenados na sociedade e no mercado de trabalho.

“Ninguém nasce infrator, é preciso buscar no cidadão os viés que o levaram a confrontar-se com as normas impostas pelo sistema jurídico. Entender os fatos e buscar as formas legais de dar novas oportunidades aos que realmente querem”, afirma.

Nenhum comentário: