sábado, 15 de outubro de 2016

Sindasp-RN vai a Brasília em defesa dos Agentes Penitenciários

Atendendo convocação da Federação Nacional dos Servidores Penitenciários (Fenaspen), o Sindasp-RN segue para Brasília, na segunda-feira (17), para mais uma mobilização em defesa da categoria. Vilma Batista, presidente do Sindicato, afirma que a viagem tem como objetivo fazer lobby por questões como aposentadoria especial e ainda, na Câmara dos Deputados, pela PEC 308, e no Senado, pela PEC 14, que trata da Polícia Penal.

"Ainda durante a viagem, vamos fazer gestão junto à bancada federal do Rio Grande do Norte para que eles se sensibilizem e se posicionem contrários a PEC 241 que acarretará em grandes prejuízos ao serviço público brasileiro. Inclusive, no dia 18, vamos participar de uma audiência pública sobre esse tema. Nós combatemos essa PEC e vamos deixar claro aos parlamentares do RN que os servidores do nosso Estado, em especial do Sistema Penitenciário, são contra esse projeto do Governo Federal", destaca.

No dia 19, a Diretoria do Sindasp-RN estará no Senado Federal para acompanhar e fazer lobby junto aos senadores na votação do Projeto de Lei 513/11 que visa a privatização do Sistema Penitenciário no Brasil. O relator do Projeto já apresentou relatório deixando de fora do PL a atividade fim, como segurança e custódia, colocando apenas as atividades meio, como limpeza e alimentação, por exemplo.

"A Fenaspen solicitou a presença de todos os sindicatos para que os representantes de cada estado possam pressionar os seus parlamentares como forma de garantir que essa idéia de privatizar e terceirizar a atividade de Agente Penitenciário seja enterrada de vez", explica Vilma Batista.

A Diretoria do Sindasp-RN fará sua luta em Brasília ao longo desta semana e retorna no próximo dia 20. Com isso, convoca todos os agentes penitenciários para já no dia 21, a sexta-feira, participem da paralisação geral aprovada pelo Fórum dos Servidores do Estado do RN em protesto contra os atrasos de salários dos trabalhadores estaduais.

"Será feita uma mobilização de todas as categorias e nós, agentes penitenciários, deveremos participar e mostramos nossa indignação com esses constantes atrasos de salários. Juntos somos fortes", finaliza a presidente do Sindasp-RN.

Nenhum comentário: